Home / Histórias Recheio

A SUA HISTÓRIA FAZ PARTE DA NOSSA

Fazer 45 anos é sempre razão para celebrar. Razão não, razões. Tantas quantos os clientes que nos acompanham todos os dias e com quem trabalhamos para merecer sempre a sua total confiança.

A sua história pode
valer uma viagem

No Recheio gostamos de estar próximos dos nossos clientes e partilhar algo mais do que apenas negócios. Por isso, conte-nos a história da sua ligação com o Recheio e habilite-se a ser o escolhido para seguir viagem connosco. Só a história mais criativa será premiada , por isso conte-nos a sua e prove que a sua relação com o Recheio é verdadeiramente especial.

Conheça as Histórias

António
Ribeiro

Ainda era criança, anos 80, quando visitava o Recheio com o Sr. Henrique (pai). Eu pessoalmente admirava tanto a cultura e filosofia da empresa, que em 1996, ao terminar a Licenciatura candidatei-me a trabalhar no Recheio. Não fui seleccionado, pois o meu destino era ser cliente. A nossa ligação sempre juntou negócios com sentimentos de tal forma que costumo dizer ao Pai que ele sem o Recheio não conseguiria ser feliz. É nisto que vocês se diferenciam dos demais, a forma como tratam o cliente.

Lucio
Oliveira

Trabalho com o Recheio há 27 anos na área de restauração e lá encontro produtos de grande qualidade e consigo comprar aos melhores preços – isto para quem começou do zero foi uma grande ajuda e hoje não seria possível sem este parceiro. O Recheio,  com o passar do tempo reflecte sempre qualidade  e quantidade, e permite-nos continuar a dar cartas aos nossos clientes no nosso Restaurante “O Camelo”. Sem o Recheio não era possível ter essa relação qualidade/preço.

João
Feio

Nos anos quarenta os meus avós abriram uma mercearia linda, foi o início do negócio da minha família. A minha mãe deu continuidade ao negócio, eu com a minha esposa, em 1990 abrimos a nossa loja. Somos loja Amanhecer e clientes Recheio. Actualmente, em tempos de crise e com a concorrência agressiva, felizmente que temos um parceiro como o Recheio que nos permite acreditar no futuro e pensar que a minha  família pode dar continuidade ao negócio.

Costa &
Companhia Lda

Em 1997 experimentei e gostei,
e até 2017 continuarei,
num recheio perto de mim,
serei sempre cliente até ao fim.

Vanda
Mendes

Tinha 19 anos em 1998 quando entrei para esta grande família Recheio. Durante 15 anos fiz amigos para a vida, construí família e tive 3 filhos “Recheio”. O Recheio foi a minha escola profissional que me deu formação e prática para desde há 3 anos me tornar cliente habitual do ” meu” Recheio da Abóboda. Bem haja a toda aquela equipa fantástica.

Rosa
Marques

A minha relação de 16 anos com o Recheio de Castelo Branco tem duas histórias singulares com final feliz. A primeira delas aconteceu em 2015, quando fiz as minhas compras, paguei mas…vim embora sem trazer o cabaz com as compras! Um funcionário dignou-se a ligar-me a avisar desse facto! A segunda foi semelhante mas em vez de me esquecer das compras….esqueci-me da minha carteira no carrinho de compras, ao que, mais uma vez, um funcionário me ligou a avisar me do meu esquecimento! Bravo!

Minimercado
Casa da Venda

Quando o meu pai a herdou, a Casa da Venda cruzara duas guerras e ajudara muitas famílias em tempos de fome e fartura. “Não é uma loja, é um lugar onde ajudamos pessoas”, dizia quando íamos às compras ao Recheio, passando-me o saber de que a Casa é feita. O Recheio foi a casa que ajudou a Casa a dar tanto a tantos, ponto de encontro e de ajuda na aldeia da Laje! Ao percorrer esse caminho, relembro o que ali aprendi: estamos cá para servir, ajudar, o dia a todos… com a ajuda do Recheio!

Luis
Álvares

A minha história com o Recheio tem sido recheada de situações afectivas comercias e solidárias. Afectivas porque morei perto do Recheio de Loures e admirei-me a observar a forma carinhosa como os clientes eram recebidos e tratados, que serviram de exemplo para o meu crescimento .”Se somos o que comemos e bebemos, nós somos Recheio”.

Luísa
Ferreira

Eu conheci o Recheio na pior altura da minha vida! Depois de anos a trabalhar como Diretora de Marketing, vi-me desempregada aos 41 anos. Nunca desisti de lutar para ajudar a sustentar a minha família e, depois de tirar um curso de pastelaria no IEFP, deitei mãos à obra e comecei a vender bolos caseiros e cake design. O Recheio do Barreiro foi o meu maior aliado! Produtos de qualidade, perto de mim e sempre com o apoio e simpatia de todos os funcionários. Muito obrigada por me ajudarem!

Vitor
Silva

Tenho uma relação com o Recheio que já dura há anos e está longe acabar. Recheado de variedade de produtos de alta qualidade e preços sem comparação. Vitória, vitória, acabou a nossa história.

Francelina
Cruz

Sendo filha de uma cliente assídua do Recheio, comecei a fazer parte da família sem intenção. O que normalmente seria 1 hora aborrecida de compras ao sábado, depressa se tornou num ritual do qual já não consigo abdicar! Passar o cartão de cliente e ver abrir a porta “mágica” para ter acesso aos melhores produtos ao mais baixo preço para o nosso negócio e para a nossa casa, passou a ser um vício bom! Volto sempre do Recheio com recheio para a nossa vida, o nosso negócio, e as nossas alegrias!

Ana Luísa
Silva

A minha ligação com o Recheio já é quase do jurássico. O meu sogro geriu esta loja cerca de uns 60 anos, era então o cliente nº 212 do Recheio de Torres Vedras. Em 1987 vim trabalhar com o Senhor José Augusto e a Dona Maria do Rosário como empregada, comecei  nessa altura a minha proximidade com o Recheio. Entretanto fui promovida a nora! E como ordem natural da vida fiquei eu com este menino nos braços. Comecei eu a gerir a loja, muito feia e envelhecida e, numa daquelas visitas diárias ao Recheio, vejo a informação das lojas Amanhecer. Contactei os responsáveis e avancei com o projecto amanhecer – um projecto que foi uma mais valia e dura há mais de dois anos e ja tenho planeada uma pequena remodelação. Como podem ver o Recheio é um parceiro para a vida.

Custódio
Gomes

A minha história: sou cliente Recheio há 30 anos, da loja do Barreiro, e espero sê-lo por muitos mais tendo em conta a qualidade e simpatia do pessoal que lá trabalha.

Pedro
Martins

A minha relação (de particular) com o Recheio iniciou-se em 1995 quando trabalhava em Braga. Apesar de viver em Santo Tirso e trabalhar no Porto, continuo a fazer compras no Recheio de Braga, porque tem produtos de grande qualidade, a bons preços e num espaço com tranquilidade. Um pormenor, na minha casa só entra arroz MasterChef agulha. Posso mesmo dizer que estou totalmente fidelizado até pela amizade construída ao longo do tempo. Um verdadeiro sentimento de bom “Recheio”. Parabéns.

Elisabete
Delgado Sousa

Alguns anos atrás, num dia normal mas muito atarefado, depois fazer as compras no Recheio pelas 11h30, o restaurante que na altura tínhamos esperava impaciente pelas compras para o almoço. Para meu azar a minha carrinha de transporte pifou no local do Recheio! Quando desesperado estava a pensar o que fazer, um funcionário observando perguntou o que  se passava! Eu contei e ele disse que ia tentar ajudar e num ápice tinha uma carrinha do Recheio a meu lado, a qual me fez de imediato o transporte. Bem, além da simpatia de todos os colaboradores nunca mais esqueço este gesto incansável! Além dos produtos frescos, a escolha pelo Recheio também se baseia na equipa dedicada, desde as chefias à funcionaria da limpeza! parabéns Recheio estamos juntos! Bem haja a Torres Novas.

Jorge
Marques

Nasci a 17/12/57 como era um miúdo rebelde fui colocado de castigo atrás de um balcão de madeira a vender copos de vinho, sabão amarelo e os produtos alimentares disponíveis na época por conta dos meus pais. Na altura o fornecimento dos produtos era feito pelo armazém de mercearias do Sr. Fernando Alves do Vale da Figueira da Foz , este senhor formou uma sociedade com o Sr. Guerra e o Sr. Neto Pereira que deu inicio ao RECHEIO – primeiro auto serviço da região situado na estrada Leiria-Aveiro, tendo posteriormente aberto outras sucursais em Aveiro e Braga. Comecei a visitar o RECHEIO desde a primeira hora até aos dia de hoje e espero continuar a pertencer à vossa família por mais 48 anos, pois são tantos quantos levo de comercio.

Germano
Santos Pragosa

Obrigado por me terem dado esta oportunidade de explanar tudo o que sei sobre o Recheio, tal qual o conheci, e até aos dias de hoje.
Sou comerciante há 36 anos, mas nem sempre o Recheio foi o meu principal fornecedor, até porque, na altura que o conheci na cidade da Figueira da Foz, (propriedade de outra empresa) não tinha tanta variedade de produto e o preço também não era tão convidativo. Havia outros armazéns maiores e com melhores preços.
Acontece porém, que a empresa Jerónimo Martins, mais uma vez, e fazendo jus à sua grande estratégica de expansão, adquiriu esta insígnia, e com a capacidade que todos nós conhecemos fez dela o que é hoje. A MAIOR E MELHOR CENTRAL DE COMPRAS NO COMÉRCIO TRADICIONAL EM PORTUGAL. Com a compra da empresa Cash&Carry – J.A.Silva, e por sua vez a abertura em Recheio de Leiria, já com a sabedoria e dedicação da Jerónimo Martins, floresceu entre nós uma relação de confiança, amizade, e respeito mútuo.
Há muitos anos que mantemos esta parceria. O Recheio merece todo o nosso apoio, se muita coisa tem sido feita em beneficio do comercio tradicional a esta GENTE DEVEMOS MUITO. Parabéns por tudo o que têm feito por nós. Por mim continuarei sempre fiel ao vosso projecto, comprando cada vez mais no Recheio, só assim defenderei a minha loja e de todos os meus colegas.
Um Grande Abraço a todos os colaboradores da Recheio de Leiria, – e não só.

Carlos
Correia

A minha história com o Recheio é muito simples e curiosa. Eu montei uma empresa de distribuição de vinhos e outros produtos alimentares e procuro comprar bem para ter preços competitivos para poder oferecer aos meus clientes e conseguir agarrar negócios. Passava muitas vezes ao lado das lojas Recheio e tinha a ideia que era um Cash&Carry com preços altos pela imponência das suas instalações. Até que um dia entrei, fui recebido por uma pessoa espectacular que me deu, logo ao primeiro contacto atendimento VIP. A seguir veio um trabalho fantástico de divulgação e acompanhamento e fez com que me levasse à preferência do Recheio como meu fornecedor. Portanto, os meus parabéns essencialmente ao cuidado que demonstram pelos clientes. SOMOS E SEREMOS PARCEIROS!

Rita
Gomes

Conheci o Recheio há cerca de 3 anos por intermédio de uma colega. Costumo ir regularmente à loja de Loures onde encontro os produtos portugueses que procuro para o meu negócio. Num mercado em que cada vez mais proliferam as marcas brancas, foi fundamental encontrar um local onde comprar marcas portuguesas tradicionais.

Ana
Vital

“A MINHA SEGUNDA FAMÍLIA!”
Trabalho com o Recheio há exactamente 34 anos. A relação que temos é tão boa que digo sempre que o Recheio é a minha segunda família. Adoro toda a gente, sou muito bem tratada. Acho que as pessoas ficam mesmo felizes quando me vêem lá. Embora o Recheio me entregue produtos quase todos os dias da semana, eu faço questão de ir à loja mesmo que não vá lá fazer nada. Tenho necessidade de ver as pessoas e gosto sempre de ouvir os colaboradores mais novos dizer que já ouviram falar muito de mim.

Paulino
Pires

“A RELAÇÃO HUMANA É DETERMINANTE!”
A minha relação com o Recheio começou em 2011, numa altura em que andava à procura de fornecedores de peixe. É uma parceria de quase 6 anos que tem sido fundamental para o meu negócio. Encontrei exactamente o que procurava e tem sido fantástico. Todos os dias à meia-noite faço a minha encomenda de cerca de 150/200kg de peixe e às 8 da manhã um dos meus empregados faz a recolha no Recheio. São 6 anos de compras diárias, que já são antecipadas pelas pessoas do Recheio. É esta relação com as pessoas, que são fantásticas, que é verdadeiramente importante para mim. Para além da parceria comercial, desde o gerente ao funcionário da reposição, são todos fantásticos. São eficientes, disponíveis e profissionais, mas é esta relação humana que é inultrapassável.

Rui
Reste

“UMA PARCERIA COMPLETA!”
A minha loja iniciou actividade por volta de 1980 com os meus pais. Lembro-me de ser miúdo e ir com eles à loja do Recheio da Figueira da Foz, que era a loja que melhor servia os nossos propósitos. Até que abriu a loja do Recheio aqui em Aveiro e, por isso, somos cliente dessa loja desde o início. Em 1997 passei a assumir uma parte da actividade e mantive a relação com o Recheio essencialmente porque é um fornecedor completo em todas as áreas, desde os secos aos frescos, mas fundamentalmente por ser inovador. Já nessa altura, conseguia fazer chegar a nós tudo aquilo que se começava a ouvir e ver ver na televisão. São 20 anos de relação directa comigo, mas quase 40 de relação com a família. Há já um lado humano e emocional nesta relação, que ajudou até no crescimento do negócio, por ser um fornecedor completo.

Catarina
Ramalho

Conheci o Recheio pois precisava de um fornecedor de produtos para o meu mini-mercado. Já não sei há quantos anos , pois o começo foi tão complicado que esqueci muita coisa. Foi difícil mas consegui ultrapassar os obstáculos. Começar sem dinheiro e com empréstimos, e ter que trabalhar 7 dias por semana das 6h da manhã às 8h da noite, um pouco difícil não é? Mas venci. Hoje não tenho o mini-mercado, tenho uma pequena empresa de limpeza com alguns funcionários, e vou vencer.

António
Pereira

O Recheio foi como o primeiro amor e o único, tudo o que preciso encontro na loja de Aveiro desde a sua abertura. Obrigado por tudo que me têm proporcionado.

Sandra
Reis Morato

A minha história resume se a uma história onde apenas o amor incondicional foi sempre o grande motor. Tive uma empresa de compotas onde vos comprava os ingredientes e com amor criei misturas fabulosas. Escrevi um livro onde contei a minha história de amor com as minhas filhas, especialmente com a mais nova que tem Trissomia 21. A minha vida resume se simplesmente a uma grande historia de AMOR.

Catarina
Bucho Machado

Era uma vez uma merceeira que tinha uma lojinha antiga dentro de um castelo, no alto da montanha. A merceeira decidiu que só teria à venda os melhores produtos, mas para chegar à sua porta, dentro do castelo de ruas estreitas, o carro da distribuição não chegava. Foi preciso dialogar e haver boa vontade para se fazer negócio. Mas quando há cooperação, a magia acontece. Desde aí a merceeira pode fornecer aos seus fregueses o que o Recheio tem de melhor. Os fregueses ficaram felizes para sempre.

Luis
Santos

Quando soube onde poderia encontrar um Recheio, avancei para chegar primeiro, mas pensei melhor e vi que não era possível porque o Recheio já lá estava. Se o Recheio existe é porque chegou primeiro onde antes era um espaço vazio. Felizmente o Recheio onde está, está sempre recheado de bons colaboradores que recheiam a mente dos clientes com bons produtos bem pensados pelas equipas de marketing, que nos enchem o ego para que também, possamos fazer parte do recheio do RECHEIO. Bem hajam e muita força, continuem a rechear com qualidade e frescura .

João
Soares

Sou cliente do Recheio há mais de 20 anos, vou ao Recheio para comprar o recheio para a minha loja e para rechear a casa dos meus clientes.

Fátima
Alves

Conheço o Recheio desde que na Areosa compraram a loja ao J.L.Pereira há cerca de 25 anos. Na altura pensei se me iria adaptar mas foi muito rápido e desde então não passo sem o Recheio, como parceiro de negócios. Há alguns anos que não passo sem  mandar um carro  diariamente carregar frescos e todos os funcionários  são muito simpáticos , os gerentes são cinco estrelas, é tudo bom. Trabalho com as lojas de Ramalde e Santa Maria da Feira.

Supermercado
Super Cabaz

Somos um supermercado em Valpaços com 40 anos . O Recheio é a razão da nossa existência pela sua grande variedade de produtos e bons preços. Somos clientes de várias lojas: Recheio Porto-Mercado, Braga, Amarante e actualmente Vila Real e Mirandela. Queremos continuar a ser clientes RECHEIO justificando a nossa existência perante um mercado competitivo. Um abraço de amizade de todos os colaboradores desta empresa.

António
Castro Costa

O Recheio é sem dúvida recheado, tudo o que precisamos é fresco e com qualidade, vale a pena embarcar na aventura que são as compras no Recheio.

Rui Pedro
Fernandes

Um dia acordei em 2006 e disse para os meus botões: vou ao Recheio da Abóboda tornar-me cliente. Doze anos depois sou um comerciante com uma loja de retalho para o público que oferece a qualidade e variedade dos produtos Amanhecer e com condições e meios de venda atractiva, tudo graças ao projecto PAR para clientes autónomos e independentes.
O sucesso comercial passa pela proximidade do Recheio e, um dia sem o Recheio não é dia. A todos um muito obrigado.

Pedro
Lucas

Entrei na minha loja Recheio preferida com o meu carro de compras. O sorriso de uma funcionária desceu sobre os meus olhos. Avancei alegremente por entre os corredores amplos, repletos de produtos. Ao fundo, reparei em algo estranho. Havia uma porta, rodeada por uma luz mística. Entrei. “Parabéns, Senhor, ganhou a viagem. Pode sentar-se.” Sussurrou-me uma rapariga simpática. Não queria acreditar. Só quando a minha mulher me chamou, irritada, é que me apercebi que estava a sonhar.

Filipe
Fernandes

Sou cliente do Recheio há dois anos, experimentei e gostei. Lá encontro produtos muito de grande qualidade e difíceis de encontrar noutras superfícies comerciais, desde o talho à charcutaria, passando por todas as outras áreas. As secções de que mais gosto são a frutaria e a padaria pois têm produtos notáveis. Se quero pão ou bolo rei de qualidade, ao melhor preço, não conheço sitio melhor. Se quero melancias mesmo saborosas só no Recheio

Maria Fernanda
Cardoso

30 anos de casamento é muito tempo, 30 anos ligada ao Recheio é o tempo suficiente para saber que estamos bem casados, é assim a minha relação com o Recheio. Na loja de Braga temos outra família, ir a loja é um vicio, não é só ir às compras. O meu marido e eu temos total confiança nas vossas marcas e os vossos produtos são a marca da minha loja. Obrigada por isso, que venham mais 40. Na loja de Braga temos outra família. Obrigada aos gerentes por estes 30 anos de paciência.

Gracinda
Ramos

A minha história com o Recheio de Vila do Conde começa assim:
Certo dia, em 1995, alguém entrou no meu estabelecimento convidando-me para o dia de abertura de uma loja Recheio e assim faz-me de imediato o cartão de cliente e apresentou-me os artigos e o espaço. Desde então todos os dias vou ao Recheio fazer as minhas compras, estou totalmente fidelizada pelas amizades que fiz ao longo destes anos. Espero continuar por muito tempo, o máximo que a vida me permitir. Um bem haja a todos.

Marina
Pereira

Vou ao Recheio para rechear a minha casa, frequento o Recheio para ser bem servida. Inicialmente desloquei-me por curiosidade, momentos depois fui motivada pelo consumo da água de Monchique e actualmente por vários produtos. Cliente satisfeito, recheio sorridente 😉

Ana
Macedo

Ia ao Recheio com o meu pai e tenho grandes lembranças desses tempos. Das viagens maravilhosas até Braga, das historias e gargalhadas que partilhávamos. Da alcunha que os funcionários lhe colocaram, mal entrava na loja, todos o cumprimentavam. Hoje ,ao passear pelos corredores do Recheio, lembro-me desses bons momentos que passámos juntos. Graças ao Recheio, tenho excelentes recordações!

Khurram
Iqbal

I love to buy from Recheio. I have my shop since 2015 and I used to go there every day to buy great goods.

Jorge
Cardoso

A minha história com o Recheio pode ser um pouco abstracta, pois na altura em que o Recheio abriu a sua loja em Viseu eu tinha alvará de engarrafador e armazenista de vinhos. Um certo dia, numa das minhas deslocações ao Recheio, conheci o gerente e dei-lhe conhecimento da minha actividade e, a partir daí, comecei a fornecer-lhes vinho em pipas de 100l que se destinavam ao fabrico de enchidos. Depois acabei com o alvará de enchimento e venda de vinhos a granel e unicamente fique como armazenista de distribuição de vinhos, já devidamente engarrafados, e outras bebidas. De fornecedor, passei a cliente do Recheio com o Nº 5590 e é este o meu historial com o Recheio.

António
Freitas

O Recheio nasceu da firma JL Pereira limitada na Rua da Flores, Porto. Eu conheci desde 1964  o Sr. Raul Pereira, o Sr. Manuel Paiva (grande vendedor e colega) e muita mais gente. Mais tarde, mudaram para Areosa, passou a chamar-se Recheio, com lojas no mercado Chaves Oliveira, Ermesinde, Zona industrial do Porto, onde cheguei ao Amanhecer que tem tudo para me abastecer.

Ana
Macedo

Ia ao Recheio com o meu pai e tenho grandes lembranças desses tempos. Das viagens maravilhosas até Braga, das historias e gargalhadas que partilhávamos. Da alcunha que os funcionários lhe colocaram, mal entrava na loja, todos o cumprimentavam. Hoje ,ao passear pelos corredores do Recheio, lembro-me desses bons momentos que passámos juntos. Graças ao Recheio, tenho excelentes recordações!

Khurram
Iqbal

I love to buy from Recheio. I have my shop since 2015 and I used to go there every day to buy great goods.

Jorge
Cardoso

A minha história com o Recheio pode ser um pouco abstracta, pois na altura em que o Recheio abriu a sua loja em Viseu eu tinha alvará de engarrafador e armazenista de vinhos. Um certo dia, numa das minhas deslocações ao Recheio, conheci o gerente e dei-lhe conhecimento da minha actividade e, a partir daí, comecei a fornecer-lhes vinho em pipas de 100l que se destinavam ao fabrico de enchidos. Depois acabei com o alvará de enchimento e venda de vinhos a granel e unicamente fique como armazenista de distribuição de vinhos, já devidamente engarrafados, e outras bebidas. De fornecedor, passei a cliente do Recheio com o Nº 5590 e é este o meu historial com o Recheio.

Francisco
Calado

Apelidada como “Princesa do Alentejo” pela sua beldade e ligação à história, foi em Vila Viçosa que em 1982 abriu a Loja Calado. Com o objectivo de servir cada cliente como um familiar, os anos passaram e a loja evoluiu, mantendo a tradicionalidade do comércio. Subimos a fasquia e, em 2011, o Recheio estabeleceu-se como nosso parceiro. Transmitindo confiança e qualidade de nível superior, em 2014 tornámo-nos orgulhosamente Loja Amanhecer. Trabalho, esforço e parceria são as palavras chave!.

Restaurante
Caçarola Dois

Foi no ano de 1973 que me estabeleci no sector da restauração, estreando-me como cliente Recheio. Mais tarde a Jerónimo Martins adquiriu o Recheio, criando um espaço mais amplo com produtos de alta qualidade, associados a bons preços. Fui sempre contactado, pelos vários gerentes de loja, com a preocupação de saberem das nossas necessidades.
Tudo isto faz, com que ao fim de 44 anos continue a ser um cliente assíduo.
Tudo isto é Recheio. Espero continuar por muitos anos, a ser servido como até aqui.

Hugo
Querido

Somos fornecedores (de IT) e não tanto clientes. Em 2006-2017 somámos 11 anos de colaboração e queremos partilhar que parte da nossa história e do que somos como empresa, devemos ao Recheio: manter sempre o foco no cliente. Acreditamos que o trabalho conjunto produz sempre melhores resultados e é mesmo possível trabalhar em parceria; de que mesmo quando somos poucos, conciliando vontades, fazemos muito; de que o verdadeiro sucesso, vem das vitórias conjuntas, dia-a-dia. Obrigado!

Stephanie
Correia

A minha parceria com o Recheio começou logo quando iniciei a minha função de chefe de loja, numa loja de comércio. Esta parceria, em certa parte pretendia avaliar se eu era uma boa ou má profissional, tudo estava em jogo. Mas o resultado foi uma parceria que me permitiu praticar melhores preços, ter um modo de trabalho novo e com isto, mostrar tudo o que consegui superar da perspectiva profissional. Rapidamente aumentámos as compras no recheio Cash&Carry e espero assim continuar por longos anos.

ENVIE A SUA HISTÓRIA

A SUA HISTÓRIA

Preencha os seus dados e conte-nos a história da sua relação com o Recheio no quadrado maior.

Queremos saber todos os pormenores, e quem sabe, oferecer-lhe uma viagem.